Windows Live Messenger + Facebook

sexta-feira, 2 de março de 2012

hospital tamoios




BASTIDORES DO FECHAMENTO DO HOSPITAL TAMOIOS II

















































































Primeiras pessoas começaram a chegar por volta das 07:45
As 08:45 já se contavam cerca de 100 pessoas
A inter Tv foi a primeira emissora a chegar ao local
Moradora sendo entrevistada, mas a inter tv não usou esta entrevista,
talvez porque a entrevistada tenha chamado o prefeito de covarde e mentiroso.
Populares com cartazes pedindo o não fechamento do hospital


Outra cena que a inter Tv não divulgou, a população fechando a rua e gritando
FORA MARQUINHO, ABAIXO GOVERNO MEDÍOCRE !!!


Como era de se esperar, a prefeitura mandou um efetivo de guardas municipais para Tamoios, cerca de 20 guardas, para que vocês que não moram em Tamoios, tenham uma ideia da enormidade de guardas municipais enviados hoje para Tamoios, nem no carnaval se viu tantos guardas municipais!

De forma tímida, foram chegando os primeiros manifestantes por volta das 07:45 da manhã, pessoas já munidas de cartazes pedindo o não fechamento do hospital.

A inter Tv foi a primeira emissora a chegar ao local, filmou tudo, entrevistou umas 20 pessoas, mas se não me engano, só usou a entrevista de umas 02, assim mesmo, editando o máximo possível, com o claro intuito de não desagradar a Prefeitura Municipal de Cabo Frio, pois o que mais se ouvia, eram palavras de ordem contra o Prefeito Marcos Mendes e o seu secretário de Saúde Roberto Pilar.

Gostaria de dar os parabéns, aos guardas municipais e policias presentes, pois em nenhum momento, interferiram ou tentaram de forma mais truculenta acabar com a manifestação, pelo contrário se mostraram competentes e amistosos, os policiais do BPRV, que com muita boa vontade, negociaram a liberação da Rod. após a mesma ficar fecha por aproximadamente 1:30hs.

DOS FATOS:

No dia 29/02, chegou a ordem de demissão de todos os contratados que atuavam no hospital Tamoios e a transferência de todos os pacientes internados no hospital para outras unidades do 1° Distrito, vale lembrar que a distância entre os dois Distritos é de cerca de 50km, se somados ida e volta chega-se a pouco mais de 100km, dependendo para onde o cidadão for transferido e onde seus familiares moram, pode ultrapassar os 120km de distância.

No dia 1° de Março, a população começou a se mobilizar contra o fechamento iminente do hospital, utilizando o facebook e distribuindo panfletos pelo 2° Distrito, o secretário vendo que população não iria aceitar pacificamente o fechamento do hospital, declarou que não sabia de nada e que uma funcionária que administrava o hospital é que tinha feito as demissões e as transferência de todos os pacientes, para dar uma satisfação a população, exonerou a administradora do hospital, Srª Rosane Rosa Tito, e apressou-se a dizer que o hospital não seria fechado, mas que funcionária como um ambulatório.

Segundo relatos colhidos por mim na manifestação de hoje, teve muitos pacientes, que foram transferidos em vans alugadas, nenhum familiar dos transferidos foi avisado que seu ente estava sendo transferido de hospital e nem tampouco para qual, ouvi um caso de uma senhora, que estava internada com o fêmur quebrado e com pneumonia, e seu filho até aquele momento, da manifestação, não sabia para onde ela havia sido transferida.

CONCLUSÃO:

Mais uma vez a população de Tamoios é ignorada em suas necessidades e vê o único hospital que servia a sua população ser transformado em ambulatório.

Quem tiver um parente internado para tratamento, terá que pegar um ônibus da salineira, passear por uma área rural de estrada de chão, e ainda passar pela estrada da integração ( aquela de barro, toda esburacada ), levando em média 02:00hs de viagem até o centro de Cabo Frio, e mais 02:00 para voltar, isso sem falar que vai gastar cerca de R$ 11,00 para ir e voltar.

A Srª Rosane Tito Rosa, ao me encontrar na manifestação, questionou a minha postagem anterior, dizendo que ela continha algumas inverdades, de pronto me coloquei a disposição para fazer uma entrevista com ela, para que pudéssemos de forma franca e democrática, esclarecermos os pontos divergentes, ela também de pronto aceitou, ficando marcado para amanhã para realizarmos esta entrevista exclusiva para este Blog, a qual publicarei na integra.

Abraços,

Alan do Chaparral

Nenhum comentário:

Postar um comentário